Graduação Pós-Graduação Pesquisa Extensão Biblioteca Intercâmbios Comunicação A FFLCH  
Skip to Content

Português para Imigrantes e Refugiados

Português para imigrantes e refugiados - Conversação e escrita em português (língua de acolhimento)

 

Ministrantes: Profª Paola Mandalá

Público Alvo: Imigrantes e refugiados que estão residindo no Brasil

Valor: Gratuito

Período de Inscrição: Inscrições presenciais no primeiro dia de aula: 23/08/2017, às 16h, na Sala 12 (1° andar)

Vagas: 20 vagas que serão preenchidas seguindo a ordem de chegada no dia 23 de agosto. 

Local da oficina: Casa de cultura Japonesa, Av. Professor Lineu Prestes, 159, Butantã, São Paulo-SP - 1° andar

Dia: Quarta-feira (Sala 12 ou 13 a depender do nível), a partir do dia 23/08/2017 até 11/10/2017

Horário: 16h às 18h

 

1 - Programa da oficina:

Para os alunos de nível básico: prática comunicativa em língua portuguesa com base em temas relacionados às urgências da vida em São Paulo para um imigrante ou refugiado (documentação, saúde, transporte, trabalho, estudos, etc). Os temas dão suporte para o desenvolvimento do domínio de estruturas linguísticas que envolvem: conjugação de verbos nos tempos básicos para falar das atividades cotidianas, narrar acontecimentos do passado e fazer planos para o futuro; formação e flexão de palavras; uso de pronomes e conectivos; exploração de campos vocabulares (partes do corpo, traçado urbano, descrição física, parentesco, alimentos, atividades laborais, etc). 

Para os alunos de nível avançado: prática comunicativa oral e escrita visando a argumentação, bem como a expressão de opinião e reflexão. Para tanto, são explorados os tempos do subjuntivo, os quais permitem e requerem formulação de períodos mais longos, e motivam a identificação e a prática de conjunções específicas.

2 - Objetivo geral:

Para os alunos de nível básico: desenvolver domínio em língua portuguesa que propicie a comunicação para aspectos do dia-a-dia, como: falar do cotidiano, falar do passado, fazer planos para o futuro, locomover-se pela cidade, fazer compras, providenciar documentação, ter atendimento médico, procurar emprego, ter ciência dos direitos e deveres legais dos estrangeiros no Brasil.

Para os alunos de nível avançado: ampliar vocabulário e estruturas da língua portuguesa, visando a argumentação e expressão de reflexão, o que prepara para a sequência da vida acadêmica no Brasil, bem como para a realização de exames de proficiência em língua portuguesa.

3 - Bibliografia:

Material fornecido pelo Centro Interdepartamental de Línguas